placas instagram foursquare googleplus feed facebook twitter
02
mai
2010

A primeira (e principal) rota capixaba

A primeira rota criada pelo Governo do Estado para organizar de vez o turismo no Espírito Santo foi a “Rota do Sol e da Moqueca”, que agrega os carros-chefes da cultura capixaba: praia, religião e gastronomia. Nela estão incluídos os municípios de Vitória (capital), Vila Velha, Serra, Guarapari e Anchieta. Com exceção deste último, todos os outros pertencem à região metropolitana de Vitória,  o que facilita e muito o trânsito entre eles (Guarapari, o mais distante, está a 30km de distância da capital, separado por uma rodovia privatizada, com pistas duplicadas e ótimas condições de tráfego). Por isso, essa é a rota mais comum – e mais viável – para os turistas que chegam por aqui. Considerando ainda que praticamente todos os principais pontos turísticos do Estado estão nessa rota é muito fácil se contentar com ela, riscando o Espírito Santo da sua wish list. A escolha é sua!

Os atrativos que o Governo do Estado elege como referência nessa rota são os seguintes: a) a moqueca e a torta capixabas; b) a panela de barro; c) o vital (?), antigo carnaval fora de época de Vitória; d) as tradições folclóricas da Serra (Festa de São Benedito e Bandas de Congo); e) as igrejas de Vila Velha e o famoso Convento da Penha; f) o Farol de Santa Luzia; g) o Museu Ferroviário; h) o patrimônio histórico e religioso de Anchieta; e, é claro, i) as praias, que tem em Guarapari o seu auge. Pretendo falar sobre cada um deles aqui no blog, avaliando o que, na minha opinião, vale e o que não vale a pena. Vou apresentá-los de forma a facilitar o trabalho do turista tanto no que diz respeito à seleção dos passeios (quais lugares combinar) quanto na sua efetiva execução (meios de acesso, como chegar, horários de visitação, gastos etc).

Mas, evidentemente, não vou me restringir a esses pontos turísticos. Falarei sobre tudo aquilo que considero interessante para ser visitado e conhecido nos limites dessa rota, como que complementando – ao meu jeito – as indicações oficiais.

Está dada a largada para conhecermos a primeira – e mais famosa – rota capixaba!

Comente via Facebook

comentários

5 respostas para “A primeira (e principal) rota capixaba”

  1. Eduardo Altoé disse:

    Caramba Tiagão… to vendo que você está entusiasmado mesmo com esta história de blog.
    Tô até pensando em criar um pra mim também, volatado à prática de execícios físicos..
    abç

  2. Karol disse:

    Tiago, até me arrepio quando vc começa um ditado…rsrsrsrs

  3. Amanda Missel disse:

    Oi Thiago! No próximo fds irei p Guarapari. Ficarei hospedada em Setiba. Tem alguma dica de passeios, praias, etc?

Deixe uma resposta

Comente via Facebook

comentários

Powered by Facebook Comments

2012. Todos os direitos reservados ao blog Rotas Capixabas. Qualquer reprodução indevida de conteúdo é expressamente proibida. digital