placas instagram foursquare googleplus feed facebook twitter
12
jun
2011

Causos de Viagem

Fala que não é simpático?

Na nossa primeira noite em Lençóis, “capital da Chapada Diamantina”, na Bahia, fomos abordados por um hippie simpático que se disse “encantado” com “o jovem e bonito casal já casado”. Embora consciente das pretensões do rapaz, sua abordagem foi tão comovente e sábia que eu não consegui evitar a continuidade da conversa.

Papo vai, papo vem, e o hippie se oferece para nos presentear com um de seus trabalhos artesanais em homenagem ao nosso amor. Pronto! A partir dali, eu já tinha plena consciência de que teria que pagar alguma coisa pelo tal presente. “R$5,00”, pensei comigo. Um preço justo e que, convenhamos, já não me faria falta àquela altura.

Mas eu realmente não contava que, na minha carteira, não haveria dinheiro trocado para pagar o “presente” do hippie. Saímos para jantar na cidade e eu só tinha separado notas de R$50,00 para levar.

Desconcertado, eu até tentei postergar o pagamento do presente, mas o hippie insistiu em trocar a minha nota. Não tive alternativa! Entreguei o dinheiro nas mãos dele e passei a acreditar na sua boa-vontade.

Dez minutos de uma espera angustiante e o hippie reaparece com o meu troco: R$30,00. Foi o máximo que ele conseguira trocar!

Ahã… sei!

A verdade é que, para quem já se via com um carimbo de “bobo” na testa e com R$50,00 a menos na carteira, “pagar” R$20,00 pelo presentinho do hippie até que ficou barato.

E, no final das contas, o “golpe” do hippie nos rendeu um simpático souvenir (que já está devidamente posicionado na minha estante) e mais uma história para contar!

Comente via Facebook

comentários

5 respostas para “Causos de Viagem”

  1. Aninha disse:

    Gostei…apesar do valor , achei muito singelo e romântico! Adorei…e é sempre muito bom ter lembranças das viagens em casa. 10 !

  2. Paulinha disse:

    Ele até que caprichou!!!! Merecido!!!!!! …. hahhahahahaha

  3. Mônica Vóss disse:

    Bacana a lembrança Tiagão! Mais legal ainda é que sempre que olharem prá ela , vão lembrar de mais um tempo feliz que viveram… Que venham outras histórias… Outros “Hippies”, menos espertos é claro… rsrsrsrsrs Bjs

  4. Essa história é a sua cara…..rs
    Mas há “males” que vêm para bem: se ele tivesse te dito de cara que seriam 20 reais (ou os 5 reais que vc estaria “disposto” a pagar), vc não teria nada na sua estante hoje.
    By the way, ainda bem que vc voltou! A Mariana está obstruindo os trabalhos nesse site!rsrsrs Mas ela pode! Beijinhos.

    Karol

  5. tiagodosreis disse:

    Meninas,
    Na hora eu não pude esconder a frustração. Me senti levemente “explorado”.
    Mas, depois, o presentinho do hippie virou a sensação da viagem.
    Nós não desgrudamos dele e até ficamos preocupados quando achamos que tínhamos perdido.
    Karol, você tá vendo? O Marçal e a Paulinha estão cheio de tempo livre e, mesmo assim, não blogam… rsrsrs
    Bjão pra todas.
    Tiago

Deixe uma resposta

Comente via Facebook

comentários

Powered by Facebook Comments

2012. Todos os direitos reservados ao blog Rotas Capixabas. Qualquer reprodução indevida de conteúdo é expressamente proibida. digital