placas instagram foursquare googleplus feed facebook twitter
04
fev
2012

Happy Hour na Casa do Cervejeiro

Como eu já esperava, o post anterior sobre a ChocolaTe’ Amo causou o maior alvoroço nas mulheres que acompanham o Rotas pelo Facebook. Foi um tal de “que lindo!” pra cá, “amei” pra lá e “esse lugar é a minha cara!” acolá. Todas sem o menor pudor de querer provar os quitutes da chocolateria e recuperar em poucos minutos as calorias que elas suaram para queimar durante a semana nas academias.

Mas não tardou para a ala masculina dos leitores do Rotas chiar: “pô, cara! Não tem um lugar maneiro pra você indicar pra gente, não?” Tem, sim, rapaziada! Tem muitos lugares maneiros para vocês irem aqui em Vitória. E um desses lugares é a Casa do Cervejeiro, no Hortomercado.

A Casa do Cervejeiro, como o próprio nome diz, é o lugar ideal para quem aprecia uma boa cerveja gelada. O foco da casa são cervejas artesanais e importadas. Que eu saiba, não há outro lugar com tamanha oferta de cervejas premium em Vitória.

A carta de cervejas muda bastante e tem sempre novidades. Tem cerveja de tudo quanto é lugar do mundo: dos Estados Unidos à Rússia, passando pela França, Holanda, Bélgica, Alemanha e, claro, Brasil.

Na última vez que estive lá com os amigos, experimentei a Appia, produzida em Ribeirão Preto (R$19,00):

Pela mesa circularam também as belgas Waterloo (R$18,00) e a Steen Brugge, a famosa cerveja dos padres (R$15,00):

E o chopp, digamos assim, capixaba (R$8,00, 500ml) que eles mesmos preparam de forma totalmente artesanal:

Não preciso nem dizer que a Casa do Cervejeiro é o lugar ideal para um happy hour diferente com os amigos, né?

E como nem só de álcool e malte vive a barriga da rapaziada, a Casa do Cervejeiro serve também alguns aperitivos para acompanhar a degustação das cervejas. A maioria inspirada na culinária alemã, como essa porção de salsichas (R$18,00) que eu pedi:

Mas você também pode complementar o bate-papo com aperitivos de outros bares do Hortomercado. Não há restrição. Eu e meus amigos, por exemplo, entupimos nossas artérias sem dó com essa porção de frango e polenta fritas de um bar vizinho, que, de tão gostosa, mereceu replay:

O único problema desse happy hour vai ser eleger o motorista da rodada!

Informações úteis:

Endereço: Rua Licínio dos Santos Conte, 51, Enseada do Suá, Vitória-ES (Hortomercado)

Telefone: (27) 3312-5891

Horário de funcionamento: segunda a sábado, de 10:00 às 22:00h; domingos e feriados, de 11:00 às 18:00h.

Nível de contaminação pelo PACVacinado.

_______________________________

Siga o “Rotas” no Twitter

Curta o “Rotas” no Facebook

Comente via Facebook

comentários

10 respostas para “Happy Hour na Casa do Cervejeiro”

  1. Liliana disse:

    Olha o preconceito! Sou muito mais esta dica do que anterior,rs! Até gosto de chocolate, mas troco por uma cerveja facilmente! Nem conhecia este lugar em Vitória! Aliás, não conheco o Horto, apesar dos amigos sempre falarem repetidamente que eu preciso ir pois vou amar. Meu marido foi ano passado com os amigos e reforçou o coro. Dica anotada para a próxima visita!

  2. Dudu Parajara disse:

    Sensacional!
    Há tempos tento ir lá, mas nunca consigo. Nesse começo de ano é fato que irei!
    Só uma observação: acho que o nome (marca) da cerveja que você tomou é Colorado, e não Appia. Se não me engano, Appia é o tipo da cerveja, que é com mel (certo?). Essa marca tem vários tipos diferentes com ingredientes legais… Quero experimentar uma com chocolate!
    Queria mais detalhes sobre o chope deles… O que você achou? É muito encorpado?
    Abração

    • É isso mesmo, Dudu! Por aí vc vê como eu entendo de cerveja premium, né??? rsrs
      Qto ao chopp, não é muito encorpado, não. Mas, sei lá, eu prefiro aqueles chopps mais cremosos. E o de lá não é tão cremoso assim.
      Mas é tudo uma questão de gosto.
      Qdo vc voltar, a gente marca de ir lá!

  3. Brenda Mozer disse:

    Opaaaaa!! Só vi o post hj!
    Ja fui.. e vou sempre q posso, rs! O chopp deles ñ é msm encorpado, mas é válido provar. Da ultima vez provamos várias, estava com meu namorado, irmão e cunhada, a miscelânea foi grande, fiquei até enjoada.. hahaha.. Minha eleita foi Bernard Dark, deliciosa, encorpada é uma ruiva q ñ lembro o preço, mas vaaaaale provar e levar a garrafa embora (eu trouxe a minha) a tampa é diferenciada, tem um fecho de aluminio q vc empurra e a tampa sai com a pressão, mas dai vc abre e fecha qtas vezes qser (tá não é a coisa mais foda do mundo, mas é massa! rs.) E qto aos petisquéts, eu e a cunha fomos à rotisseria do horto e compramos TUDO q uma degustada necessita, salaminho, palmito, azeitonas, provolone etc… Me senti em casa!! =)

  4. Eduardo Altoé disse:

    E por falar nisso Tiagão, quando você vai me apresentar a este refinado ponto de encontro????
    Estou ansioso por “tirar umas fotos” lá também. kkkk

  5. Gladys A disse:

    Tiago,

    muito bacana o blog ajudando as pessoas a conhecer um pouquinho mais do território Capixaba.
    Ainda ão tive a oportunidade de conhecer o estado, mas já indiquei seu blog para um casal de amigos meus que acabou de chegar a Vitória!

  6. Gilberto silva araujo disse:

    Moro há mais de 50 anos nesta capital e não conhecia vinhos, cervejas de varias marcas como vi , supinpas tira gostos …..fabuloso, irei pessoamente fim de semana, agora mais ainda inteirado de tantos locai disponiveis para curtimos em familia……obrigado a vcs ….abraços beto

Deixe uma resposta

Comente via Facebook

comentários

Powered by Facebook Comments

2012. Todos os direitos reservados ao blog Rotas Capixabas. Qualquer reprodução indevida de conteúdo é expressamente proibida. digital